segunda-feira, 14 de junho de 2010

Hotel Verdura

Oi gente!! Esse aqui é o hotel que nos hospedamos em Sciacca, com intenção de visitar o Vale dos templos (vou fazer um post mais pra frente) . Se chama Hotel Verdura Golf and Spa Resort e é do grupo RoccoForte. As instalações são supermodernas, o hotel tá novinho, delícia...O hotel é um resort de golf com blocos de apartamentos separados como esse da foto aí em baixo. O campo de golf tem 18 buracos, e conversando com uma pessoa que estava lá e que joga golf, soube que o campo não é dos melhores. Eu prefiro não opinar, pois não entendo nada do assunto...


Durante a nossa estadia no hotel, compartilhamos da presença da seleção de futebol da Alemanha que estava em concentração com as famílias lá e é claro a de muitos paparazzi nas nossas entradas e saídas. Vi vários jogadores e conversei com o Cacau, o brasileiro naturalizado alemão que fez o gol no jogo de ontem!!! Ele foi muito simpático!
Como os blocos são separados e a distância até o lobby e anexos é grande, tem carrinhos de golf e bikes numeradas que ficam ao lado da entrada do lobby. É só pegar a sua e sair. Eu parava a minha na porta do quarto, só que às vezes alguém que estava a pé "roubava"....Pegaram a minha e me deixaram a pé....Tive que pegar a de outro quarto de fininho e sair pedalando rapidinho, hehehe!
Próximo da Torre Verdura, tem uma galeria com umas lojinhas. Entre elas está a 100% Capri, a mesma do Bal Harbour em Miami, que vende artigos em linho super bem feitos. São peças investimento para o verão, já que o linho respira muito bem.

No dia em que chegamos o clima estava bom aproveitei pra me exercitar, mas nos dias seguintes pegamos muito vento...Não deu pra nadar nesta piscina linda aqui. Esse hotel é ideal para quem quer descansar num resort no auge do verão europeu sem contar com "muvuca" e ter uma infra legal.
O spa é maravilhoso e conta com vários tipos de tratamentos, como por exemplo thalossoterapia...
Entrei nessas piscinas terapeuticas (mega salgadas): era uma seqüência, nr 1, 2 e 3 e nada de colocar a cabeça dentro, pois só os pinguinhos que batiam no rosto já queimavam tudo. No caso de algum cortinho então, nossa Senhora(!) ardia messsmo, mas também cicatrizava no dia seguinte! Teve um dia que cheguei lá e estavam todos os jogadores alemães...achei meio chato nadar lá no meio deles...voltei mais tarde...
O quarto era muito bom e contava com todos os confortos da vida moderna. Os interiores eram simples e chiques, todos feitos neta mais velha do Lord Forte, fundador do grupo, a designer Olga Polizzi. Aqui algumas vistas do nosso quarto, que devia ser dos mais simples.

Closet grande para apenas alguns dias
e como sempre as fotos banheiro.....minha mania de fotografar banheiro só piora....Em limestone com iluminação zenital.


No geral gostei de tudo. O serviço deixava um pouco a desejar, principalmente no restaurante principal, pois os garçons demoravam a tomar os pedidos e trazer os pratos, o que tornava nossos jantares longos e cansativos. Pedi uma coca e vi o garçom indo para o computador....encontrou uma colega e começou a conversar...não deu outra, esqueceu a minha coca. Mas acho que isso deve ser um problema temporário já que o hotel é novo e o serviço tende a se aprimorar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui que o mais breve possível eu responderei com prazer!