domingo, 17 de outubro de 2010

Park Hyatt Tokyo

Este é o Hotel Park Hyatt Tokyo, onde me hospedei alguns dias atrás. O hotel ocupa os 14 últimos andares da torre comercial Shinjuku Park Tower no bairro comercial de Shinjuku. É o hotel onde foi feito o filme Encontros e Desencontros (Lost in Translation) que citei num post anterior.

Aqui é a entrada no térreo, onde pegamos o elevador até o lobby do hotel que fica no 42o. andar da torre. Abaixo o elevador "supersônico" que chega rapidinho, o ouvido sente um pouco... A decoração do elevador é bem interessante com essas cabeças de cachorros.

Chegando no 42o. saímos nesse lounge onde tem o teto da primeira torre (são três torres, o hotel ocupa a cobertura da segunda e os últimos andares da terceira).


Depois de passar pelo lounge, passamos pelo restaurante italiano Girandole onde é servido o café da manhã. As fotos abaixo são da vista de lá para o bairro Shinjuku.



Depois de passar pelo restaurante italiano e pela biblioteca finalmente chegamos a recepção do hotel, muito bonita, toda em verde celadon, uma das cores que mais amo! Pena que na foto não dá muito para ver...
E finalmente o quarto. Super espaçoso ainda mais considerando que em Tokyo tudo é apertado...



O banheiro é muito bom, tem tv, som e a bacia é uma coisa à parte...Aliás as bacias no Japão no geral são ótimas!!! Cheias de opcionais, tantos botões que até confundem...Nessa aqui a tampa esquentava, tinha 3 opções de bidê acopladas, soltava odorizador para tirar os cheirinhos ruins... Muitos banheiros públicos também têm som de descarga ou de água fluindo para "disfarçar" os sons de quem está dentro da cabine, hahaha, os japoneses são muito discretos, além de super limpos e educados...

O hotel é maravilhoso, o serviço é impecável, mas a localização é muuito ruim...É como vir para São Paulo e ficar lá no Meliá perto do Shopping D&D e querer passar o dia na Oscar Freire...Foi um furo de programação!! Isso sem contar que em Tokyo tudo é super hiper caro...Cada táxi que pegávamos lá se iam 50 dólares (de ida e mais 50 na volta)...fora o tempo perdido nos engarrafamentos!!! Considerando essa informação SUPER importante eu escolheria ficar no Hotel Mandarin Oriental, ou no Peninsula, ou no Ritz ou no Grand Hyatt ambos em Roppongi bem melhor localizados e iria jantar um dia no New York Grill, o restaurante no topo do Park Hyatt, que é maravilhoso - ahhhh vou falar sobre ele na próxima postagem, aguardem!!!

5 comentários:

  1. Bom saber que o hotel não é tão bem localizado, pq ele parece ser bem legal. E pros fãs de Lost in Translation é uma tentação, né?

    ResponderExcluir
  2. Pois é, mas o filme passa uma sensação de isolamento, vc não acha?? E quando ela sai e passa no cruzamento com guarda chuvas parece que é na porta do hotel, mas na verdade é em outro bairro chamado Shibuya.

    ResponderExcluir
  3. Você poderia me informar por favor o preço médio de comida e de hospedagem?



    Rafaela

    ResponderExcluir
  4. Você poderia por favor postar a média de preços de hoespedagem e comida em tokyo?


    Obrigada

    Rafaela

    ResponderExcluir
  5. Nesse hotel do post a diária é em torno de uns 500 dólares. Quanto a comida é uma pergunta difícil, pois depende do padrão do restaurante, você pode comer uns sushis na esteira num local simples por 15 dólares ou pode gastar até uns 500 num Alain Ducasse da vida.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário aqui que o mais breve possível eu responderei com prazer!