quarta-feira, 13 de março de 2013

Artesanato no Laos

Fomos com o guia ver a fabricação de papel e seda. A noite no mercado é possível comprar vários itens de artesanato local, as sedas são lindas, mas dê preferência para as com selinho Luang Prabang com o desenho de uma mão, para não levar nada vindo da China, certo?


Seda rústica feita a mão em todo o país tem um olhar mais refinado, é mais natural, é bio 100% é artesanato puro, sem máquinas
Quase todos os países que fabricam seda (Japão, China, Tailândia, etc) industrializaram o processo. O Laos permanece um dos países onde a seda natural é comum e acessível.
No Laos, sericicultura (criação de seda) é organizada em unidades de produção onde a técnica de enrolar, a coloração e fiação são todas feitas à mão, muitas vezes, por mulheres. Tecer raramente é feito com teares semi-automáticos: a maior parte do tempo, o homem ou a mulher tece manualmente cerca de 1 metro por dia, ao fazer projetos simples, e apenas alguns centímetros para os desenhos mais complicados. No Laos, cada pessoa tem sua própria técnica, cada família desenvolve sua própria técnica e às vezes seus próprios padrões decorativos, embora a maioria deles são reproduções de desenhos tradicionais e ikats específicos para grupo étnico do artista.
A região de Sam Neua, na fronteira vietnamita é reconhecida por sua seda grossa e extremamente sólida que, mais ao sul, na região de Xieng Kouang, a seda é mais fina, mais leve e mais suave.
O mercado de seda é local. O povo manteve suas tradições de usar pedaços de seda (xales, echarpes, saias, estolas, etc) para o budismo tradicional ou cerimônias xamã, ou simplesmente para casamentos, reuniões oficiais, etc



2 comentários:

  1. Ola Paulete, tambem irei para Luang Prabang em abril, o que você recomenda visitar? O lugar de fabricação de seda é longe da cidade? e você está fazendo esta viagem por conta propria ou com alguma agencia? Como conseguiu o guia, e existe guias que falam portugues ou espanhol ai?
    Sua viagem está bem legal, e as fotos estão lindas.

    Bruno A Cosme

    ResponderExcluir
  2. Veja o por do sol no Mekong, visite o templo no alto da montanha, o mercado e o museu. As Pak ou Caves eu achei roubada! Não deixe de acordar cedo para ver os monges. Eu fiz a viagem por conta própria, o gui foi o hotel que me indicou. Obrigada!!
    Dê uma olhada nesse link que me ajudou no planejamento:
    http://viagem.uol.com.br/ultnot/2009/01/18/36-horas-em-luang-prabang---cidade-do-laos-esta-a-beira-de-ser-descoberta.jhtm

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário aqui que o mais breve possível eu responderei com prazer!