domingo, 10 de março de 2013

Monte Phou Si

A principal montanha da cidade a partir da qual você tem uma visão panorâmica de toda a área. único problema são os 300 degraus até o topo... mas a chegada é gratificante! Há duas entradas: uma em frente ao  Palácio Real, e outra em Sisavang Vatthana Road. A entrada norte, que foi a que usamos, tem cerca de 130 degraus até o meio, e outros 190 degraus até o topo. O horário ideal para subir é logo pela manhã, lá pelas 10:00h, quando a névoa some e o sol aparece. A tarde fica muito cheio.


A vista da cidade é muito bonita, pois ela é toda preservada e não tem edifícios altos.
Essa mulher comprou esse passarinho. Segundo eles você faz um desejo e solta o passarinho para que o desejo se realize.
Vários Budhas pelo caminho



Cada dia da semana tem seu Buddha numa posição e significado, esse abaixo é o reclinado, de terça-feira. O guia me perguntou o dia da semana que nasci, para me explicar alguns traços de personalidade etc.. mas não sabia, pena...

E lá em cima alguns monges. A maioria deles são novos e estão na escola de monges. Vivem meio na farra tipo agente na época de faculdade. Perguntei ao guia e ele disse que as famílias mais pobres costumam mandar seus filhos para a escola de monges pois é gratuíta e interna, e assim não tem nenhum custo com a educação e criação dos meninos, porém a escola de monges é bem mais fraca que as escolas particulares. Um deles abaixo quando me viu escondeu o celular. Meu Deus, como alguém consegue meditar com um iphone?? Coisas do mundo moderno...




A hora do almoço dos monges, um canto/oração e depois dá-lhe de comer arroz
abaixo o templo que fica ao lado da escola de monges, já na base do Monte Phou Si.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui que o mais breve possível eu responderei com prazer!