sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Visita ao Moma

Day 03 da trip com foco nas artes moderna e contemporânea: Visita ao MoMA. Eu gosto muito do MoMa e já tinha mostrado um pouquinho dele aqui no blog anteriormente.Vejam só um pouco do que vimos por lá:
Não dá pra passar reto nessas salas com maravilhas como essas de Paul Cézanne  (Pines and Rocks, 1897) acima e Paul Gauguin (Still Life with Three Puppies, 1888) abaixo.

Acima o quadro eleito como símbolo da viagem por causa do leão que simbolizou nossas aventuras por aqui...ainda mais depois de cruzarmos com LEO Di Caprio numa galeria no Chelsea (Henry Rousseau - The Sleeping Gypsy, 1897)
Acima a maravilha do céu de Van Gogh (The Starry Night, 1889)
Acima de Edvard Munch (The Storm, 1893)
Acima James Ensor (Tribulations of Saint Antony, 1887) e abaixo do mesmo (Masks Confronting Death, 1888)

Acima Gustav Klimt (Hope, II, 1907-08) lindíssimo!
Acima Odilon Redon, pintor que estudei na aula de francês - muito bom ver ao vivo! (Wildflowers in a Long Neck Vase, c. 1912
Acima Henri Rousseau novamente com (The Dream, 1910)
Acima um dos quadros mais importantes do MoMA de Picasso (Demoiselles d'Avignon)
Acima já na parte minimalista da coleção: uma obra de Donald Judd (Untitled, 1967)
Acima Sol LeWitt (Cubic-Modular Wall Structure, 1966)
Acima Dan Flavin (com suas lâmpadas maravilhosas esse presente de Philip Johnson, da Casa de Vidro em Connecticut) Untitled, 1969
Acima DeWain Valentine, Triple Red Metal Flake - Black Edge, 1966

Acima duas esculturas de Brancusi, o Peixe e Mlle Pogany
E a obra mega aflitiva de Meret Oppenheim, Object,1936
Beleza para deleite dos olhos Monet Water Lillies acima
Picasso - Seated Bather
Miró - Hirodelle Amour
Helen Franckenthaler - Jacob's Ladder, 1957 influências de Pollock
Agnes Denes - The World of Thorns, 1968
e por último John Baldessari - What is Painting, 1966-68

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui que o mais breve possível eu responderei com prazer!